Como Montar um Blog para Pequenas Empresas: Hospedagem, CMS e Muito Mais!

Em dúvida sobre como montar um blog para sua pequena empresa? Veja aqui o passo a passo para criar esse tipo de site com dicas para conquistar um bom tráfego.

 

Por que montar um blog para uma pequena empresa?

Se você tem uma pequena empresa e deseja utilizar uma estratégia de marketing barata para atrair novos consumidores, além de fidelizar a clientela já existente, montar um blog é uma boa ideia. Esse tipo de ferramenta permite que você demonstre as vantagens dos seus produtos e serviços, assim como aproxima seu negócio do público-alvo.

Atualmente, é normal que os clientes busquem informações na internet antes de comprar alguma coisa de uma marca, portanto quem não possui um blog perde oportunidades. Além disso, com esse canal de comunicação online, uma organização consegue provar que é especialista no ramo que atua.

Contudo, num primeiro momento pode parecer complexo realizar essa tarefa. Sendo assim, é aconselhável que você faça a leitura deste artigo, pois nele estão dicas para que saiba como montar um blog para pequenas empresas desde o início. Além disso, há várias orientações para obter os melhores resultados com essa plataforma. Então, continue lendo.

 

Como montar um blog para pequenas empresas

Como montar para sua pequena empresa um blog que fique acessível o tempo todo e que ainda seja bastante interessante para o cliente? Para encontrar a resposta dessa pergunta, confira as 10 dicas que estão na sequência.

 

Escolha e compre uma hospedagem de site

Para que as pessoas consigam visualizar o blog da sua pequena empresa 24 horas por dia e de qualquer lugar do mundo, é melhor salvá-lo com um serviço de hospedagem. No entanto, como esse tipo de armazenamento varia, siga as dicas abaixo para escolher bem.

 

Hospedagem compartilhada

A hospedagem compartilhada consiste em dividir com outros sites o mesmo servidor. Geralmente, ela costuma ser uma alternativa mais descomplicada para pequenas empresas montarem um blog, pois é mais barata. Nessa categoria, é possível encontrar ofertas que ficam na média de R$ 10 a R$ 40 mensais.

Ela é gerenciada pelo provedor de hospedagem, isso significa que o usuário não precisa se preocupar com a manutenção do servidor. Além disso, a maioria das empresas oferece suporte o tempo todo, caso aconteça algum problema. Contudo, às vezes, quando existem muitas pessoas acessando o servidor essa partilha afeta o desempenho das páginas.

 

Hospedagem VPS

Na hospedagem VPS (Virtual Private Server) um servidor físico é virtualizado em vários servidores virtuais e cada um deles tem o próprio sistema operacional e recursos. Se você optar por essa modalidade de serviço ao montar o blog da sua empresa, terá um pequeno espaço reservado, controle do ambiente e mais flexibilidade.

Esse tipo de ambiente é ideal para sites complexos que recebem centenas e até milhares de visitantes. Também se trata de uma recomendação para quem possui páginas web carregadas com elementos pesados como imagens e vídeos. Além disso, possui um custo moderado que, na média, vai de R$ 50 até R$ 200 por mês.

 

Hospedagem cloud

Na hospedagem cloud ou em nuvem, os elementos são armazenados em um conjunto de servidores virtualizados e interconectados. Graças a essa infraestrutura, você pode acessar e gerenciar o blog da sua empresa de forma mais fácil e rápida. Também consegue aumentar e diminuir os recursos sem ter que mexer no servidor físico ou hardware.

Essa categoria oferece várias vantagens em relação à hospedagem tradicional, como maior disponibilidade, segurança, desempenho e crescimento tecnológico do seu negócio. Contudo, montar um blog dessa maneira requer um investimento em torno de R$ 250 e R$ 2000, portanto é mais adequado para grandes e médias corporações.

 

Registre um nome de domínio

Um domínio é o endereço na internet que junto com um nome serve para pessoas localizarem um site. Na versão gratuita ele costuma vir com a identificação da plataforma, por exemplo, “SorveteriaQuixaba.blogspot.com.br”. Já com o registro pago só inclui a finalização que você escolher como “SorveteriaQuixaba.com”, “SorveteriaQuixaba.org” etc.

Ao montar um blog, mesmo que seja para uma pequena empresa, é aconselhável comprar o domínio, em vez de usar a opção gratuita. Desse modo, fica mais fácil para seus clientes memorizar o endereço da página, além de transmitir uma imagem profissional.  Basta registrar o nome do seu negócio junto com o termo “.com” para obter um bom resultado.

 

Busque por um sistema de gerenciamento de conteúdo

Um sistema de gerenciamento de conteúdo, também chamado Content Management System (CMS), facilita a manutenção de sites. Ele é um software que permite criar, editar e gerenciar publicações, como textos, imagens, vídeos e áudios.  Depois de montar o blog da sua pequena empresa, será mais tranquilo cuidar dele com essa ferramenta.

Existem diversos CMS disponíveis no mercado, isso inclui plataformas gratuitas e de código aberto, como o WordPress, Joomla e Drupal. Contudo, há ainda as alternativas pagas, como o Adobe Experience Manager e o Sitecore que você deve considerar, pois oferecem recursos avançados de inteligência artificial para aumentar a produtividade.

 

Faça a instalação do blog

Existem vários sites de disponíveis para montar um blog que pequenas empresas podem utilizar, como WordPress, Blogger, Medium, Wix, entre outros. Eles tornam mais rápido e simples a criação de blogs até mesmo por quem não sabe programar. Contam com planos gratuitos e pagos com diferentes recursos e níveis de personalização.

No WordPress há a opção de instalar o site no seu próprio servidor ou contratar um serviço de hospedagem especializado na plataforma. Fora isso, em qualquer um desses portais, após você criar uma conta terá de seguir as instruções que, normalmente, envolve a configuração da aparência do blog, design de posts, entre outras coisas.

 

Escolha e instale plug-ins e ferramentas de apoio

Plug-ins são pequenos programas que servem para melhorar a produtividade, automatizar tarefas, fornecer novos recursos e simplificar a interação com o sistema. Por exemplo, para escrever textos aprimorados para aparecer nas primeiras posições do Google, há o plug-in Yoast existente no WordPress, que ajuda ajustar o artigo nesse sentido.

Quanto às ferramentas de apoio para montar um blog para uma empresa, elas são ótimas para desenvolver um conteúdo de qualidade. Nessa categoria, existem verificadores de ortografia e gramática, corretores de estilo e formatação. Contudo, antes de instalá-los lembre-se que quanto mais funções e códigos o blog tiver, mais ele demora para carregar.

 

Instale um template

Um template para blog, também conhecido como modelo ou tema, é um arquivo online que serve para configurar a aparência visual e funcionalidade do site. Ao montar o blog da sua pequena empresa, considere usá-los para configurar detalhes como o layout, fontes, cores, imagens, widgets, códigos e outros elementos.

É possível encontrar na internet templates pagos ou gratuitos para diversas plataformas, como WordPress, Blogger, Tumblr etc. Mas lembre-se que esse recurso precisa ser bem escolhido para facilitar a navegação e tornar a leitura mais agradável para os visitantes, além de ajudar a destacar o seu conteúdo e aumentar o engajamento com os leitores.

 

Crie uma estratégia de conteúdo

Não adianta se esforçar para montar o melhor blog e fazer postagens que não são do interesse do tipo de cliente que você deseja atrair para sua empresa. Portanto, conheça bem seu público-alvo e entenda quais temas os agradam mais. Também estabeleça pequenos objetivos, como criar conteúdo para aumentar as vendas em 3% em 6 meses.

Fora isso, não deixe de avaliar seus concorrentes, descubra quais são os pontos fortes e fracos que apresentam. A partir daí, procure por palavras-chaves relacionadas ao setor do seu negócio e crie temas. Feito isso, liste os tópicos que você vai escrever e agende as postagens para serem publicadas, pelo menos, duas vezes por semana.

 

Saiba como escrever uma postagem de blog

Não existe muito segredo para montar bons artigos da sua empresa, mas é importante prestar atenção a pequenos detalhes para que o resultado seja o melhor possível. Por exemplo, procure empregar palavras simples, evite termos confusos. Use títulos, subtítulos, divisões de seções que facilitem a leitura e mantenham a atenção do leitor.

Inclua ao menos uma imagem no início, além de colocar ilustrações e gráficos no meio do texto para esclarecer um assunto. Fora isso, jamais se esqueça de empregar as regras SEO como repetir a palavra-chave em torno de 1% a 2% no artigo, inserir links interno e externos, não copiar conteúdo e assim por diante.

 

Divulgue o blog para fazer o seu público aumentar

Há várias maneiras de divulgar um blog de uma pequena empresa sem gastar dinheiro. Um exemplo simples é por meio de compartilhamento de posts nas redes sociais do seu negócio, como Facebook, Twitter, LinkedIn, Instagram, etc. Outra estratégia consiste em se juntar a grupos de discussão e fóruns relacionados ao ramo de atividade.

Quando for apropriado, realize comentários relevantes em outros sites e deixe um link para seu blog. Também monte parcerias com outros sites, entre em contato e tente realizar colaborações. Você ainda pode utilizar a publicidade paga de plataformas como Google Ads,  Facebook Ads e outros.

 

Saiba como monetizar o seu blog

Além de buscar aumentar as vendas dos produtos ou serviços ofertados pelo seu negócio, você também pode ganhar dinheiro ao montar um blog para sua pequena empresa. Algumas das possibilidades que existem nesse sentido são receber dinheiro quando o usuário clica em um anúncio de plataformas, como Google Ads, que é exibido no seu site.

Com um programa de afiliados é possível ganhar uma comissão, caso o visitante adquira um produto que é oferecido no blog da sua companhia. Além disso, se você tiver um material exclusivo e de qualidade relacionado ao seu nicho pode disponibilizar aos usuários assinaturas, e-book, cursos online e mais.

 

Dicas para ter mais resultados com o blog para pequenas empresas

Quais estratégias mais você pode utilizar para montar um blog de sucesso para sua pequena empresa? Continue lendo e descubra a seguir 6 táticas que ajudam a trazer mais tráfego para esse tipo de plataforma.

 

Procure por palavras-chaves

As palavras-chaves são os termos que as pessoas digitam nos mecanismos de busca, como Google e Bing, para localizar informações sobre um assunto. Pode ser uma ou mais palavras e até uma frase inteira. Sendo assim, ao montar um blog para sua pequena empresa, procure por esses temas e use-os no texto, títulos e imagens.

Um jeito fácil de fazer isso consiste em digitar uma palavra no Google.com ou no Google Trends e ver o que aparece. Outro método corresponde a acessar o Google AdWords, uma ferramenta para avaliar quantas vezes um assunto foi pesquisado e qual a concorrência. 

 

Faça uma conta nas redes sociais

Depois de criar o blog para sua pequena empresa, descubra em qual rede social seu público-alvo costuma acessar. Monte um perfil para seu blog nessa plataforma e atualize regularmente com conteúdo de qualidade, sempre com links para postagens. Adicione hashtags relevantes para que outras pessoas possam descobrir seus posts.

Além disso, não deixe de promover uma boa interação com os seguidores. Responda a comentários, faça perguntas, crie enquetes, peça opiniões etc. Isso ajudará a aumentar o engajamento e gerar um senso de comunidade em torno do seu blog. Considere ainda fazer parcerias com outras contas que possuam um público-alvo semelhante ao seu.

 

Analise os seus competidores

Para aumentar o tráfego do site da sua empresa, é importante montar uma pequena análise da concorrência e entender como ela está posicionada no mercado. Então, descubra quem são os principais concorrentes ao selecionar uma determinada palavra-chave. Visite o site, observe de que forma publicaram o conteúdo.

Faça uma lista dos tópicos que eles estão cobrindo, a estrutura do post e o uso das palavras-chaves e tente fazer melhor. Verifique com que frequência publicam, o engajamento e comentários que os internautas deixam. Consulte também as ferramentas Ubersuggest, SEMrush ou Ahrefs, elas trazem dados a respeito de backlinks e classificação.

 

Pense em fazer guest posts

O guest post trata-se de uma estratégia do marketing digital na qual você monta um artigo para publicar em um site que não é o seu. Nesse texto tem que haver um ou mais links direcionando o leitor para o blog da sua empresa. Os mecanismos de busca entendem que uma página da web recomendada por vários portais, tem material de qualidade.

Assim sendo, tente fazer parcerias com outros blogs de nicho relacionados ao seu. Crie esse texto com informações significativas para o leitor, inclua as regras de SEO e não faça um guest post pequeno, mantenha o padrão entre 1.500 e 2.500 palavras. Em outras palavras, escreva como se fosse para o seu próprio site.

 

Não se esqueça de fazer a manutenção no seu site

Após montar um blog para sua empresa, além de acrescentar postagens, há mais algumas pequenas tarefas para fazer frequentemente. Uma delas é o backup tanto do conteúdo publicado como do design, layout etc. Isso pode ser feito manualmente ou usando um plug-in ou serviço de backup.

Aliás, também é importante manter softwares, plug-ins e CMS atualizados. Aperfeiçoe o desempenho das páginas com técnicas como compactação de arquivos, minificação de código e otimização de imagens. Corrija problemas de segurança e monitore o tráfego para ver se aumenta ou diminui com o Google Analytics.

 

Atualize o seu conteúdo

Basicamente essa atividade consiste em voltar em todas as publicações antigas e reescrever os trechos que tiverem mudanças nos últimos tempos. Fazer isso, após montar um blog para sua pequena empresa consiste numa tarefa simples. No entanto, com o tempo, ela pode se tornar trabalhosa devido ao alto volume, então se prepare.

Acostume-se a dar prioridade às postagens mais populares, garanta que elas não contenham informações incorretas. Filtrar tópicos, por outro lado, ajuda a preservar a consistência e organização do site. Ferramentas como o Jetpack ou o WordPress Automatic Plug-in alteram várias postagens ao mesmo tempo. Ter um bom notebook para rodar programas de edição de textos e ferramentas de SEO é uma boa forma de manter a qualidade do conteúdo do blog.

 

Saiba como criar um blog para sua pequena empresa e aumente seu engajamento!

Montar um blog para seu negócio é uma estratégia eficaz para atrair novos consumidores e fidelizar clientes antigos. Um blog permite que empresas de pequeno, médio e grande porte transmitam informações interessantes para seu público-alvo. Tudo isso, consequentemente, influencia nas vendas.

Então, escolha um bom serviço de hospedagem, domínio, CMS e plataforma para instalação do site. Feito isso, lembre-se de com frequência incluir conteúdo de qualidade alinhado com os objetivos da sua organização. Desse modo, no longo prazo, você verá todo seu esforço recompensado com o fortalecimento da sua marca.

 

Fale conosco

Fale agora mesmo com um especialista em marketing para médicos, clínicas e consultórios.

Cursos de Marketing Médico

Mais dicas de Marketing Médico

Feegow Vale a Pena? Confira antes de contratar

Feegow Clinic: Transformando a Gestão de Clínicas e Consultórios Introdução A tecnologia tem revolucionado diversas áreas, incluindo a gestão de saúde, trazendo soluções que facilitam

edson-da-we-marketing-medico
Edson Medeiros

WE Marketing Médico

Edson da WE Marketing Médico

Olá doutor(a), tudo bem? 👋
Preencha seus dados e vamos conversar pelo WhatsApp!

20:32