Você Ainda Está Dependendo Dos Convênios?

Olá, tudo bem?

Meu nome é Edson Medeiros e eu sou Especialista em Marketing Médico aqui na WE Marketing Médico.

Hoje a gente vai conversar o pouco sobre você ainda estar dependendo dos convênios e se você está acompanhando este conteúdo é porque:

  • você realmente ainda está dependendo dos convênios ou você…
  • sente que está dependendo ou você…
  • achou o tema curioso e quis saber sobre o que eu ia falar.

Os convênios não são ruins

Ué Edson, como assim? Achei que você ia falar mal dos convênios.

Calma.

Os convênios não são ruins se você usá-los da maneira “certa”. Estou dizendo “certa” porque, com base na minha experiência trabalhando com diversos médicos, percebi que existem algumas maneiras de aproveitá-los melhor:

Tenha dias e horários específicos para atender os convênios

Em especial os convênios que pagam menos. Reserve seus horários nobres em sua clínica ou consultório para consultas particulares e deixe os horários que normalmente você não tem movimento para os convênios. Você otimizará, e muito, seu tempo ocioso e seu fluxo de caixa.

Se você não quiser começar com a estratégia dos horários nobres, você pode iniciar definindo períodos ou dias da semana.

Normalmente os médicos que trabalham com a gente aqui na WE Marketing Médico reservam pelo menos a segunda pela manhã e a sexta a tarde apenas para atendimentos particulares.

Isto porque na segunda pela manhã é o período ideal para você planejar sua semana e na sexta a tarde é o melhor período para medir e acompanhar os resultados. Além disto estes períodos são excelentes para você planejar e produzir os conteúdos (vídeos, posts nas redes sociais, textos no blog etc) da semana.

Ah, esta estratégia também vale para quem dá plantão em hospitais. Conheço alguns médicos aonde o plantão acaba virando uma maneira de captar pacientes já que por vezes o problema não pode ser resolvido por completo no plantão, seja pelo tempo de atendimento ou porque as vezes é necessário encaminhar o paciente para um cirurgia ou algum procedimento.

Conte com uma empresa de faturamento médico

Para ser sincero eu não conhecia este tipo de empresa ou profissional até pouco tempo mas percebi que eles são essenciais para todo médico que trabalha com convênios (incluindo o SUS).

Em alguns casos que acompanhei com a equipe da ConSaúde eles me mostraram que alguns médicos, clínicas e consultório tinham perda de até 30% do faturamento em consultas, procedimentos e cirurgias atendidas por convênios.

O trabalho deles é exatamente organizar a casa para que não você não tenha perdas financeiras e também tentar recuperar aquilo que você tinha perdido.

Só vou dizer mais uma coisa: funciona.

Os convênios são ruins

Edson, você está me deixando confuso. Primeiro você fala que os convênios não são ruins e agora você fala que eles são ruins?!

Bom, os convênios são ruins se você não seguir as estratégias que comentei acima.

Na prática a principal maneira de você ganhar dinheiro com o convênio é tendo volume de pacientes, ou seja, atendendo mais pacientes em menos tempo.

O duro é que esta relação -tempo +pacientes geralmente não é muito saudável porque pode te levar a um esgotamento (físico e mental) além de deixar o paciente com aquele sentimento de ter sido atendido muito rápido.

Além disto, em geral, os convênios pagam pouco e, se você fizer as contas, as vezes pode não compensar fazer o atendimento através deles já que no final você pode estar pagando pra trabalhar.

E afinal Edson, como me libertar dos convênios?

“Me libertar dos convênios” é um termo forte não é? rs

Pacientes vindos pelo convênio são captados de forma passiva, ou seja, você senta e espera eles te procurarem.

A maneira de você parar de depender dos convênios é captar os pacientes de forma ativa, ou seja, você levanta e “vai atrás” dos pacientes.

Não estou dizendo aqui que você vai pegar o telefone e sair ligando pras pessoas perguntando “Oi, você de um médico?”.

O que quero dizer é que você precisa pensar e executar estratégias que vão te ajudar a ser encontrado por pacientes particulares e também maneiras que você irá encontrá-los.

Aqui na WE mesmo nós já falamos sobre diversas maneiras de se fazer isto então vale dar uma pesquisada nos nossos conteúdos. Separei alguns aqui para te ajudar nesta busca:

Não tem desculpas. É só pegar estes conteúdos e colocar em prática.

Talvez você consiga fazer tudo sozinho ou talvez precise de um profissional ou empresa especializada.

A outra opção é você continuar dependendo dos convênios.

O que achou deste conteúdo?

Me diz aí o que você achou deste conteúdo onde a gente falou sobre “Você Ainda Está Dependendo Dos Convênios?”.

Se ficou com alguma dúvida, pergunte aqui nos comentários que eu vou te responder pessoalmente.

PS.: Se você gostou deste conteúdo, compartilhe nos seus grupos de WhatsApp de médicos. Pode ser que ajude um colega.

Posts Recentes